Curtinhos

Na ponta do canhão, uma flor

Hoje, 25 de Abril de 2011, completam-se 37 anos da Revolução dos Cravos, em Portugal. Sou filha e neta de portugueses, e isto pra mim tem um grande significado, como o tem também para todos os cidadãos do mundo que lutam por democracia. A revolução livrou Portugal da ditadura de Salazar e foi marcada pelo gesto de vários soldados de colocarem cravos na ponta das armas. Na foto acima, a flor não é exatamente um cravo, mas esse é um enfeite que tenho no meu quarto. O canhão não veio com a flor, mas como eu o trouxe de Portugal tive a idéia de colocar uma lá. Portugal é conhecido como “o jardim da Europa”. Se o homem usasse sempre as flores como únicas armas, a Terra poderia ser o jardim do universo.

Ana Helena Tavares

Comente sem medo

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s