Artigos

De Simon para baixo

Foto: Gustavo Miranda

Simon é tão coronel quanto os que por agora “enfrenta”.
Mas, se depender de nossa grande imprensa, ficaremos até 2010 nivelando o Congresso de Simon para baixo.
Por Ana Helena Tavares
Quer dizer que Pedro Simon (PMDB-RS) acaba de se transformar no último dos moicanos? Paladino da moral e dos bons costumes, sobrevivente de um Congresso que não sabe mais o que é ética. Vejam o que faz uma imprensa vendida ao cacifismo.
Não, não é só o nordeste brasileiro que conhece coronéis. O sul também os conhece. O governo Lula é corrupto, diz Simon, e no estado natal do senador vai tudo bem? Yeda Crusius (PSDB-RS) navega em mar de denúncias sobre corrupção e seu padrinho Simon não tem nada a declarar. Entendi.
Em entrevista concedida, por telefone, em 04 de Agosto, ao programa “Acorda pra vida”, apresentado por Raimundo Varela, na TUDO FM 102,5, o senador Pedro Simon disse que o presidente Lula quer manter o Senado “por baixo, porque assim ele se sente mais à vontade para conduzir o seu pensamento”. Pena que Pedro Simon não se sinta “à vontade” para combater a corrupção no RS.
Mas sente-se “à vontade”, livre, leve e solto, para declarar hoje, 17 de Agosto, em plenário do Senado, que Lula deveria “calar a boca” ao invés de ficar fazendo comentários sobre a denúncia feita pela ex-secretária da Receita Federal, Lina Vieira, de que a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, a teria mandado apressar uma investigação que vinha sendo feita nas empresas da família do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP). Se Lula se dá ao trabalho de abrir a boca para defender Dilma com veemência, obviamente é porque acredita nela. Mesmo porque não há prova absolutamente nenhuma quanto a essa denúncia, já quanto à corrupção no governo de Yeda Crusius… Ah, tá, mas aí, quem prefere calar a boca é Simon. Sabe-se lá em quem ele acredita.
Sabe-se lá em quem a imprensa brasileira acredita. Cabe perguntar: será que acredita nela mesma? Os mártires da vez são Collor e Sarney. Ora, ora, que grande descoberta fez a nossa grande imprensa! Descobriu agora que eles são execráveis, desprezíveis, baixos. E eles são mesmo isso tudo? São políticos da pior espécie? São. Basta estudar rapidamente suas biografias. Mas sempre flanaram junto com o vento, ou melhor, junto com as cifras, ou melhor ainda, junto com os editoriais. Quando eles interessavam aos barões midiáticos, Collor e Sarney foram reis. Agora, que não mais interessam, viram bandidos chave-de-cadeia. Bem, mas isso até chegarem perto das grades, porque, nessa hora, sempre flanará uma folha amiga, um globo salvador, que lhes pague a fiança. Ao contrário disso, peço que me digam em que momento nossa grande imprensa tomou as dores do ex-retirante que hoje ocupa o Planalto com mais de 80% de aprovação popular.
Mas a patética mídia nativa tem novo rei. O destemido Pedro Simon, que resolveu enfrentar os coronéis no Congresso. Triste de um país que, na busca desesperada por heróis, é enganado por sua grande imprensa, e endeusa corajosos de ocasião. Quando a figura ápice da honestidade em um Congresso é aceita por muitos cidadãos como sendo um senador que acoberta a corrupção em seu próprio estado, há algo muito errado.
Fico me perguntando: há bravura seletiva? Pavlov ia adorar responder a isso, mas nem é preciso. Há seleções e seleções, claro, mas, quando há interesses políticos envolvidos, tudo é seletivo.
Simon é tão coronel quanto os que por agora “enfrenta”, mas, se depender de nossa grande imprensa, ficaremos até 2010 nivelando o Congresso de Simon para baixo.
17 de Agosto de 2009,
Ana Helena Tavares

Categorias:Artigos

Marcado como:,

7 respostas »

  1. Discordo da opinião dos pares. Não considero isenta a opinião apresentada nesse texto. Até por tratar-se de opinião, fica impraticável que seja imparcial. Não nos cabe julgar, mas há tendência pró-Lula. Tão nefasto quanto os Fernandos, Itamares, Josés…
    Mas, à despeito disso, parabéns pelo blog.

    Curtir

  2. O mais incrível é que para se encontrar um artigo com esta qualidade, jornalismo cidadão, isento, tenha-se que garimpar na internet. Quanto ganharia o país, como seria bom para todos, se esta meia dúzia de famílias que domina sem lei o setor de comunicações no país, seguisse este exemplo. Conferencia Nacional de Comunicações já! Democracia neles.

    Curtir

  3. ALELUIA, uma voz lúcida! Gente, Simon é tão cafajeste quanto estes que ele critica, sim. É um absurdo essa imagem de “guardador da ética e da moral, acima do bem e do mal” que ele ostenta. Ele mais o senhor Agripino Maia me dão um nojo só de ouvir falar: trazem uma pose de santa do altar, quando na verdade são…….. deixa pra lá! É só ohar a história de ambos e perceber o quanto Simon está sem nenhuma moral para falar de Lula ou de quem quer que seja. Sarney manda e desmanda nesse país há uns 20 anos, pelo menos. Por que só agora interessa criticá-lo? Por que só agora essa perseguição ao bigodudo? Ele á safado, pilantra, coronel? Sim, e sempre foi! Mas, ora bolas, por que ignoraram isso a vida inteira e só lembraram agora????? Simon, pra mim, é pior que muitos senadores e deputados desse país. Seu discurso de “isso aqui tá um inferno” combinado com seu estilo “sou o que restou da ética no país” são mais falsos que nota de dois reais, como se diz
    popularmente… É de uma hiposcrisia repugnante! Veja o Suplicy, por exemplo: político coerente, ético e muito respeitado. Já fez muito mais por aquela casa do que a mioria dos que estão ali. Goza de grande popularidade da opinião pública e não se envolve em escândalos. Mas, ao contrário de Simon, não faz pose de paladino da Justiça ou “último dos maoicanos”. Por isso o respeito! Agora, Pedro Simon, Agripino Maira, até o próprio Cristovam (que gosto bastante!)… discursos vazios, populistas e hipócritas ao cúmulo!

    Curtir

  4. Não acho que o Senador Pedro Simon deva ser tratado no mesmo nível do Renan, do Collor, do Romero Jucá ou de qualquer outro Senador da tropa de choque do Governo Lula. Ele está muitos furos acima e a história política dele mostra isso. Ele não deve ser julgado por um fato isolado e não acredito que ele esteja aprovando tudo o que está rolando no Governo da Yeda Crusius, até porque ele nem é do Partido dela. Eu ainda acredito nele!

    Curtir

  5. com base neste texto, deixo um pitaco:

    Trata-se de um texto muito bem elaborado. Ana é uma escritora lúcida, com traços marcantes em seu estilo. Sua argumentação é de dar inveja. Só me resta parabenizar a autora pelo blog e, em especial, pelo texto que me apontou um novo olhar sobre a posição de Simon – um político que admiro muito.

    Impossível, porém, comentar o texto da jornalista sem contudo lembrar que Pedro Simon, ao lado Jarbas Vasconcelos, Eduardo Suplicy, Marina Silva e Cristovam Buarque – apesar de estarem em partidos distintos – deveriam pertencer ao Partido da Ética na Política. Um partido, no Brasil, formado por uma minoria que muito pouco pode fazer.

    Não dá para discordar da autora. Simon deveria sim posicionar-se sobre o Governo Yeda Crusius (um fiasco, diga de passagem). E o faz com certas reservas. Talvez manifeste-se de modo equivocado ou esteja sendo mau interpretado ao dizer que “CPI contra Yeda é instrumento do PT”; mas o fato é que a trajetória do Senador não possa ser confundida. Sua atuação como governador do seu Estado, idem.

    Não resta dúvida, Ana Helena Tavares, resta ao senador explicar-se, sim. Ao romper o silêncio e manifestar-se em defesa dos aliados no Rio Grande Sul, Simon colocou uma interrogação que pode depor contra si mesmo e com isso macular sua história e sua imagem de homem ético e probo.

    Não podemos ter um Simon lá (no Senado) e outro acolá (no Rio Grande do Sul).

    Curtir

  6. Ótimo post. Pedro Simon é o gerador de frases de impacto para confecção de manchetes anti-governo da mídia do momento. Quando não é ele, é o Arthur Virgílio. Esses e outros não têm condições nenhuma de falar de ética, coisa coisa eles desconhecem.

    Curtir

Comente sem medo

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s