Uganda: Lei de “morte aos gays” pode ser aprovada em 72 horas – precisamos agir agora!

Nas próximas 48 horas, parlamentares da ala conservadora podem avançar na aprovação de uma lei que tornaria a condição homossexual um crime a ser punido com a pena de morte em Uganda.

Ativistas protestam o projeito de lei "Matem os gays", na Embaixada de Uganda, em Londres

Nas próximas 48 horas, parlamentares da ala conservadora podem avançar na aprovação de uma lei que tornaria a condição homossexual um crime a ser punido com a pena de morte em Uganda. 

Estamos nos unindo a ativistas daquele país para barrar a lei de “morte aos gays” e precisamos urgentemente fazer um apelo internacional massivo contra esta iniciativa.

Por favor, assine e divulgue esta petição endereçada ao presidente Museveni solicitando que ele declare publicamente sua intenção de vetar esta lei de promoção de ódio.

AllOut – Clique aqui para assinar a petição.

%d blogueiros gostam disto: