Vídeo: o corajoso depoimento que denunciou a queima de arquivos do exército depois da ditadura

Vídeo com o depoimento corajoso do cara que denunciou a queima de arquivos do exército logo depois da ditadura. O governo Sarney foi quando o próprio Firmino, como funcionário do Estado, foi responsável pela queima de arquivos. Mas ele diz que, de 92 a 95 (Collor, Itamar e FHC), também houve uma destruição geral. E ele denuncia ainda ter sofrido vários atentados e te sido torturado em 97, plena "democracia"!

A Globo se livrou da culinária em horário nobre

Por Ana Helena Tavares Eles que dêem graças a Deus por Dilma ter ganhado. Com Serra na presidência, estou certa de que o Jornal Nacional seria entregue à Ana Maria Braga e viraria um programa de culinária – sem tempero.