Nos quadrados também há um pulso

Carinho que vem quadrado Nem bem se vê de que lado Pode vir também em bandeja De forma que bem se veja Há amor no silêncio Não expressar não é defeito Olhares podem ser gestos Cada um ama ao seu jeito Identificar o afeto Por tímido que seja É desafio concreto De uma vida que … Continue lendo Nos quadrados também há um pulso

Ser como gota de chuva

"Não é o mais forte nem o mais inteligente que sobrevive. É o mais adaptado às mudanças" (Charles Darwin) Chove. E eu com vontade de mergulhar em cada gota. As gotas caem nos meus olhos, mas meus olhos querem ser elas. Límpidos, nascidos de nuvens, sem o embaçamento da metrópole empoeirada. Livres, guiados pelo vento, … Continue lendo Ser como gota de chuva